Se muita adversidade, importa é agora

Utilizando a mesma linha de raciocínio do post “O terceiro mundo tem três mundos”, de que pessoas de países com maior desigualdade social enfrentam adversidades diárias, enquanto pessoas de países com menor desigualdade, por suprimirem mais facilmente suas necessidades básicas, têm mais tempo para gastar com outras coisas, me pergunto: será que pessoas de países mais desiguais têm objetivos mais a curto prazo enquanto as de países menos desiguais teriam objetivos de longo prazo?

Será que há diferença quanto ao desconto de futuro entre pessoas de maior e menor classe, ou de diferentes países? Por que o Brasil não pára para protestar? Isto é, por que cada brasileiro que entendo ser absurdo o que está acontecendo politicamente no nosso país não entende que tudo o que está fazendo é irrizório e nada significativo diante da importância das barbáries que estão sendo aprovadas e não páram qualquer que seja sua atividade para participar de um movimento organizado e protestar? Será que é porque, condicionados à nossa desigualdade, preferimos priorizar o momento atual, pensando nos benefícios a curto prazo?

Para pesquisar:

  • Países com menor desigualdade têm menor desconto de futuro e mais ações a longo prazo?
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s